Saltar o menu
Mãos frias

Mãos frias

Costuma sentir frio nas mãos? Saiba que alimentos deve eliminar da sua dieta alimentar

Uma grande parte da população, especialmente o grupo das mulheres e dos idosos, sente frio nas extremidades (sobretudo nas mãos e nos pés) mesmo que a temperatura ambiente (e corporal) seja normal, sem oscilações.

Esta sensação de frio deve-se a uma circulação periférica deficiente, para além da exposição a temperaturas frias, e agrava-se depois das refeições e à noite, quando está a dormir.

O que comer e beber?

  • Alimentos ricos em vitamina C, para melhorar a circulação (citrinos, morangos, verduras de folha verde, pimento, alho, gengibre...).

  • Alimentos ricos em vitamina E, para estimular e fortalecer os capilares (frutos secos, brócolos, abacate e cereais integrais).

  • Infusões bem quentes de gengibre, que sobem a temperatura do organismo.


O que reduzir ou evitar?

Há que eliminar os alimentos ricos em gordura, que dificultam a circulação sanguínea (enchidos, patés, fritos, manteiga...); e, logicamente, alimentos ricos em colesterol (gema de ovo, pastelaria industrial, cremes, molhos e lacticínios gordos, que são mais ricos em gordura).

Um bom conselho

As extremidades podem arrefecer por causa de uma circulação periférica deficiente, que pode melhorar com alimentos ricos em vitamina C.


Veja também os cuidados alimentares que deve seguir em caso de:



Texto: Madalena Alçada Baptista com Magda Roma (nutricionista)

A responsabilidade editorial desta informação é da revista


Enviar artigo por E-mail

A sua mensagem foi correctamente enviada

Ocorreram erros, verifique os campos a vermelho

Faltam 500 caracteres

Comentários


Artigos relacionados

publicidade
publicidade

Subscreva a nossa Newsletter

Subscreva a nossa newsletter

Vídeos

A importância Hidratos de Carbono

ver mais vídeos

15 regras para uma alimentação saudável

Adote comportamentos alimentares que protegem o organismo

Hepatite mata quase tanto quanto a SIDA, alerta a OMS

Novos medicamentos contra a hepatite têm uma taxa de cura de 95%

ver todos os artigos